treinamento-de-ingles-para-empresas

Como medir resultados de treinamentos? Saiba em 3 dicas!

Você sabe como medir resultados de treinamentos em sua empresa? Zelar pela qualificação dos profissionais é a melhor forma de valorizar e desenvolver os talentos que a empresa já possui. Sem contar que uma cultura corporativa de aprendizagem favorece o clima organizacional e o engajamento dos colaboradores com a empresa.

Entretanto, não faz sentido oferecer treinamentos e não mensurar o retorno que eles vêm trazendo. Por essa razão, é importante avaliar os resultados trazidos a partir de cada ação aplicada. E isso vale para qualquer modalidade. Uma capacitação de idiomas, por exemplo, pode ser avaliada a partir da aplicação de testes internacionais de proficiência.

Se você tem consciência da importância dos treinamentos, mas não sabe exatamente por onde começar a avaliar sua eficiência, continue lendo. Listamos abaixo algumas dicas que vão ajudá-lo.

1. Tenha objetivos claros

Aonde você quer chegar com determinado treinamento? Por que acha que é válido ministrá-lo a seus colaboradores? Responder a essa questão é importantíssimo para entender o que você espera que mude após os treinamentos serem oferecidos. Quando você tem os resultados esperados bem determinados, fica mais fácil avaliar se está se aproximando deles à medida que o tempo passa.

O treinamento de idiomas, por exemplo, prepara os colaboradores para contatos com clientes e parceiros internacionais. Assim, uma empresa que tem profissionais que fazem contato frequente por e-mail e telefone com fornecedores ou clientes no exterior precisa aprimorar o conhecimento em Business English desses colaboradores, especialmente em escrita e fluência.

2. Estabeleça os critérios de avaliação

De que forma você vai mensurar os resultados dos treinamentos oferecidos? É importante saber o que fazer para, de fato, avaliar esses resultados. Há empresas que se utilizam de indicadores de desempenho, que são aplicados antes e depois de iniciados os treinamentos. Outras aplicam provas e avaliações oficiais e consideram as notas como indicadores.

Se você oferece treinamentos de idiomas, por exemplo, pode mensurar os resultados por meio de testes de proficiência. O importante é que o método escolhido seja eficaz para essa análise e traga respostas condizentes com a realidade da empresa.

[rock-convert-cta id=”16376″]

3. Escolha os programas de treinamento adequados

Uma vez definidos os objetivos e resultados desejados, é importante escolher os treinamentos certos, aqueles que realmente trarão o impacto que a empresa almeja.

Empresas que precisam aprimorar o conhecimento em inglês dos colaboradores que utilizam o idioma com frequência, por exemplo, devem pensar em programas de treinamento de inglês in company. As aulas in company otimizam o tempo de deslocamento do colaborador e garantem um programa de aprendizagem customizado às necessidades da empresa e do dia a dia dos profissionais.

Outro ponto importante é garantir que o treinamento tenha foco em Business English, que é voltado para os negócios.

Já se o objetivo for treinar um alto executivo para uma reunião ou evento internacional específico, o mais indicado é uma imersão em inglês individual.

É assim que você vai determinando o que oferecer a partir da avaliação das suas reais necessidades. Trata-se de uma forma de otimizar investimentos, uma vez que eles trarão o retorno esperado e você ainda terá ganhos em produtividade a partir dos resultados. Você pode até mesmo fazer um levantamento das competências que mais fazem falta em seu quadro de pessoas e oferecer programas de capacitação direcionados.

Para entender a efetividade das iniciativas de treinamentos, é preciso também pensar em acompanhamentos operacionais no dia a dia. Observar a taxa de adesão aos programas que você oferece, as taxas de satisfação com as aulas e os índices de abandono por desmotivação são itens de suma importância para garantir a eficiência dos programas.

Se este post foi útil para você, não deixe de nos seguir nas redes sociais. Estamos no Twitter, Facebook, Instagram, LinkedIn e YouTube.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber nossas atualizações por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.